SINSERCON/RS CONVOCA A CATEGORIA PARA O DIA 10/11 – MOBILIZAÇÃO NACIONAL

O SINSERCON/RS CONVOCA TODOS OS SERVIDORES(as), dos Conselhos Profissionais para participar da MOBILIZAÇÃO NACIONAL contra a Reforma Trabalhista,Reforma Previdenciária e Trabalho Escravo, dia 10/11.

Lembramos que a nova Legislação trabalhista, infringe diversas questões Constitucionais e não criará  mais empregos, pelo contrário, haverá desemprego, acidentes de trabalho e aumento das doenças ocupacionais.

Informamos que a CUT está intensificando a coleta de assinaturas no projeto de lei de iniciativa popular para anular a “reforma” trabalhista e a lei da terceirização sem limites. “Precisamos no mínimo de 1,3 milhão de assinaturas, o que corresponde a 1% do eleitorado brasileiro, em cinco estados do país, para a tramitação no Congresso, a fim de tentar desfazer esse brutal ataque aos direitos dos trabalhadores”, destaca Nespolo.

Pela manhã, a CUT-RS organiza paralisações das categorias em luta e promove uma plenária extraordinária de mobilização, das 10h às 14h, no salão da igreja da Pompeia (Rua Barros Cassal, 220), em Porto Alegre.

À tarde, junto com as centrais sindicais, será realizado, às 16h, um abraço simbólico à Justiça do Trabalho, na Avenida Praia de Belas, em frente ao Tribunal Regional do Trabalho (TRT-RS), seguido de uma caminhada até a Esquina Democrática, onde acontecerá um ato unificado das centrais, às 18h, contra as “reformas” trabalhista e da Previdência e a portaria do trabalho escravo, suspensa por liminar da ministra do STF, Rosa Weber, em defesa da Justiça do Trabalho e por nenhum direito a menos.

Informamos ainda que  por se tratar de ato de relevância nacional, estamos  encaminhando aos Conselhos/Ordens oficio circular, solicitando a liberação dos servidores(as) para participar dos referidos atos.

Finalmente, informamos que a dispensa é um ato de liberalidade dos Conselhos/Ordens.